Recurso INSS 2022

Muitos cidadãos brasileiros podem ter a solicitação aos benefícios concedidos pelo INSS recusado pelo órgão. Isso acontece rotineiramente e é um procedimento de praxe, tendo em vista que a concessão do benefício é imposta mediante a uma série de requisitos. Mas, caso o segurado não concorde com a decisão do INSS, pode protocolar o Recurso INSS 2022. Então, quer saber como funciona, como escrever e como consultar o andamento do recurso INSS? Leia o artigo abaixo!

Recurso INSS 2022

Recurso INSS 2022

Como funciona e quanto tempo demora o Recurso INSS

Ao possuir uma solicitação não deferida na agência da Previdência Social, o segurado tem até 30 dias contabilizados a partida da data que ficou ciente do veredito do INSS para realizar o protocolamento do pedido de recurso.

Devido ao excesso de informação, muitos segurados podem confundir o dia em que ficou informado sobre a decisão do INSS, cujo é essencial para solicitação do recurso. Muitas vezes, os segurados ficam esperando a carta chegar em sua residência para, só então, protocolar o recurso. No entanto, caso já tenha recebido o aviso quando foi ao INSS, a data será contabilizada a partir desse dia.


O que Escrever no Recurso INSS 2022

Para escrever o recurso INSS 2022 e, consequentemente, aumentar as chances de ser deferido, muitos segurados recorrem à advogados especializados no sistema previdenciário. No entanto, caso não tenha recursos disponíveis para tal, o contribuinte poderá escrever o próprio documento tranquilamente.

No recurso, o segurado deve esclarecer o porquê o benefício deveria ser deferido em seu favor e também detalhar explicitamente toda documentação que corrobora com a solicitação, como:

  • Extratos do FGTS;
  • Contracheque;
  • Contratos de prestação de serviços e;
  • Também anotações em carteira de trabalho.
O que Escrever no Recurso INSS

O que Escrever no Recurso INSS

✓ Confira mais sobre alguns documentos essenciais para tirar seu Recurso do INSS:


Como Consultar Andamento do Recurso INSS

Após o protocolamento do recurso no INSS, o trabalhador poderá acompanhar o andamento do processo de sua residência, por meio de uma plataforma informatizada da Previdência Social. O procedimento de consulta consiste em poucas etapas, podendo ser feito em dentro de poucos minutos. Por isso, quer saber como consultar andamento do recurso INSS 2022? Veja o passo a passo abaixo:

  1. Inicialmente, acesse a plataforma de ‘Consulta Processual’ do e-Recursos da Previdência Social pelo endereço eletrônico: https://erecursos.previdencia.gov.br/web/.
  2. Na página, preencha os seguintes campos solicitados:
    • Protocolo;
    • CPF;
    • Número do Benefício.
  3. Ao fim do preenchimento, transcreva o código de segurança que está sendo exibido na imagem.
  4. Clique em ‘Consultar’. Se todas as informações solicitaram estiverem válidas, o segurado poderá consultar a situação ao recurso.
Como Consultar Andamento do Recurso INSS

Como Consultar Andamento do Recurso INSS

Caso não esteja conseguindo concluir a consulta ao andamento do recurso no INSS, o recomendado é se dirigir até uma instituição da Previdência Social.


Solicitar Recurso INSS

Se você desejar solicitar o recurso INSS, é simples. Abaixo você pode conferir o passo a passo:

  • Acesse o site do INSS, clicando aqui;
  • Clique na opção “Solicitar”;

    Solicitar Recurso INSS

    Solicitar Recurso INSS

  • Na próxima página, informe o seu nome, CPF e data de nascimento;
  • Selecione a caixa “Não sou um robô”;
  • Conclua a solicitação.

    Informe os dados necessários

    Informe os dados necessários


Formulário para Recurso INSS 2022

O INSS disponibiliza gratuitamente o formulário para recurso INSS. Esse documento, que possui linhas digitáveis, solicita uma série de informações que possam ajudar reverter a decisão mais rapidamente que por via da Justiça.

Na ocasião, o contribuinte deve preencher alguns dados, que devem ser descritos em até 20 linhas, como:

  • Nome do segurado;
  • Endereço para correspondência;
  • Motivo e;
  • Razões do recurso.

Especialistas recomendam que, quanto maior o número de informações preenchidas, maior a possibilidade de o recurso ser deferido pelo INSS.

Leave a Reply